Uma reflexão sobre a aparente dificuldade de compreensão do simbolismo dos ataques de 13/11/15…

Os nossos jovens recebem, na formação escolar, pouca ou nenhuma ideia do que representa a civilização ocidental. Diante de ataques como esses – cruéis, chocantes – fica fácil vender a ideia da “culpa das autoridades”, “dívida histórica”, e tals. O criminoso é o sujeito oculto, não se pode ferir suscetibilidades.
Parêntesis: As ideias reunidas sob o título do multiculturalismo, depois a mais atual “interculturlidade”, conseguiram frear o alerta dado pela tese do Choque de Civilizações, que é lá dos anos 1990. Não que a tese possa ser comprada pela face, simplesmente merece reflexão crítica. Fecha.
Agora, no Brasil, querem retirar do currículo de História na Base Nacional Comum os temas da formação da nossa civilização. Vai ficar mais difícil separar alhos de bugalhos na batalha das tragédias. Como distinguir um desastre ambiental de um conflito civilizacional? Quem vai defender o que nem conhece? Como criar identidade com os valores ocidentais sem o senso de pertencimento histórico?
Henri Pirenne, historiador belga, medievalista, desenvolveu a tese que não haveria Carlos Magno sem Maomé. A ascensão do Islã criou a Europa como região, geográfica e cultural. Por isso o século VII seria o século da mudança do mundo antigo clássico para o mundo medieval.
A situação com a qual nos defrontamos deve nos fazer pensar: a nova ascensão do Islã pode colocar fim à civilização herdeira da unidade político/geográfica criada por Carlos Magno e culturalmente ligada pela tradição judaico-cristã? Vamos estudar por temas. Exclua-se a Europa dos livros didáticos. E deixemos de lado esse papo de civilização. Afinal, quem vai entender?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s