Eficácia do governo brasileiro entre as três piores entre 60 países. Mas eles nem ligam…

Essa é para pensar.Segundo a matéria do jornal Valor Econômico, o Brasil cai da 38ª para 51ª posição entre 60 países no ranking de competitividade global elaborado pelo IMD, "uma das melhores escolas de gestão da Europa".Destaco estes trechos:"Para o diretor do Centro de Competitividade Mundial do IMD, Stephane Garelli, a razão central para esse … Continue lendo Eficácia do governo brasileiro entre as três piores entre 60 países. Mas eles nem ligam…

“Inovação, mercado de capitais e desenvolvimento”, por Tomás Tosta de Sá

Valor Econômico - 16/04/2013 Nos últimos cinco séculos, os grandes avanços de desenvolvimento econômico e social das nações deveram-se ao espírito empreendedor de seus povos, às inovações, aos veículos de financiamento desenvolvidos e às decisões de correr riscos para atingir seus objetivos. Em seu livro, "A ascenção e queda das grandes potências", Paul Kennedy apresenta … Continue lendo “Inovação, mercado de capitais e desenvolvimento”, por Tomás Tosta de Sá

“Areia Movediça”, por Naercio Menezes Filho, no Valor Econômico.

(Valor Econômico - 21/12/2012) Os últimos resultados do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) foram decepcionantes e pioraram as expectativas dos agentes econômicos com relação ao crescimento econômico desse ano e para o ano que vem. Os investimentos estão estagnados e estamos perdendo terreno em relação aos demais países emergentes. Em vista disso, o governo … Continue lendo “Areia Movediça”, por Naercio Menezes Filho, no Valor Econômico.

“Guinada ecológica traria economia de US$ 2 tri, diz estudo”, no Valor Econômico.

(Valor Econômico - 17/02/2012) Cerca de US$ 2 trilhões poderão ser economizados nas principais economias do mundo com uma guinada ecológica e mais eficiência de recursos em apenas três setores: aço, ferro e carvão. É a conclusão de um relatório que o Fórum Mundial de Economia, antecedendo o encontro de Davos, no fim do mês. … Continue lendo “Guinada ecológica traria economia de US$ 2 tri, diz estudo”, no Valor Econômico.

Brasil fica na lanterna entre os Brics

(Por Rafael Rosas - Valor Econômico, 07/11/2011) O desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro no terceiro trimestre, com alta de 2,1% frente a igual trimestre do ano passado, colocou o país na lanterna entre os Brics, bloco formado também por China, Índia, Rússia e África do Sul. Os chineses ficaram na liderança da lista, com … Continue lendo Brasil fica na lanterna entre os Brics

“Censo e crescimento econômico”, do Valor Econômico.

(Jorge Arbache - Valor Econômico - 28/11/2011) Os resultados do Censo 2010 recentemente divulgados pelo IBGE indicam que o Brasil avançou em muitas áreas na última década. Observou-se, por exemplo, melhoria na distribuição da renda pessoal e regional, queda da mortalidade infantil e do analfabetismo e aumento do acesso aos serviços públicos. O Censo também confirmou … Continue lendo “Censo e crescimento econômico”, do Valor Econômico.

Valor Econômico: “Exportadores de SC se tornam importadores de produtos acabados”

Valor Econômico - 09/08/2011 Comércio exterior: Produtores de móveis, vestuário, têxtil e cerâmica vão às compras para manter receita Tradicionais setores exportadores de Santa Catarina -indústria têxtil, vestuário, moveleira e cerâmica - sentiram o impacto da retração das vendas para o exterior. A necessidade de manter o faturamento, em um cenário de desvantagem para a … Continue lendo Valor Econômico: “Exportadores de SC se tornam importadores de produtos acabados”

Onda conservadora nos EUA ajuda o Brasil.

Muita gente no Brasil, principalmente entre os jovens, acha cool torcer pelos Democratas nas eleições norte-americanas. Moda que ganhou força com o super-cool Barack Hussein Obama. Pois eu torço pelos Republicanos. Não apenas porque sou conservador, mas porque que é notório que os governos republicanos são melhores para as relações comerciais do Brasil. Olha essa … Continue lendo Onda conservadora nos EUA ajuda o Brasil.

“Não é com chá de camomila que se combate a inflação”

Quando Fernando Henrique, Serra, Mendonça de Barros e Cia. voltam a emitir opinião, consigo acreditar que não ficaremos para sempre na oposição. É importante amplificar, por isso reproduzo aqui a entrevista publicada na Veja dessa semana. --------------- Para o economista ligado ao PSDB, é preciso agir de forma ortodoxa, usando o “antibiótico” dos juros altos … Continue lendo “Não é com chá de camomila que se combate a inflação”