Florianópolis e Blumenau seguirão a tendência apontada pelo Valor Econômico: “Cidades adotam práticas do setor privado”

"Cada proposta, cada compromisso, será agora transformado em meta, com prazo, indicador e responsável. Este será um governo sem zona de conforto. Sem moleza, que inspirará pelo exemplo, esse sim, mais forte que quaisquer palavras" - Cesar Souza Jr, prefeito de Florianópolis. (trecho do discurso de posse) O novo prefeito de Florianópolis está em sintonia com … Continue lendo Florianópolis e Blumenau seguirão a tendência apontada pelo Valor Econômico: “Cidades adotam práticas do setor privado”

“O fingimento como tradição e método”, por Rosângela Bittar.

(Valor Econômico - 14/03/2011) O PT entra no décimo ano de governo federal, quatro ministros do Planejamento depois - Guido Mantega, Nelson Machado, Paulo Bernardo, Miriam Belchior -, sem haver conseguido implantar, nem mesmo iniciar a discussão de um projeto de Orçamento real para a União. Esse sempre foi o chamado cartão de visitas dos governos petistas, aliás o … Continue lendo “O fingimento como tradição e método”, por Rosângela Bittar.

‘Educação: as lições do professor Hanushek’, no Valor Econômico.

(João Batista Araújo e Oliveira - Valor Econômico, 20/12/2011) Os países em desenvolvimento mais que duplicaram seus recursos em educação, nos últimos 20 anos. No geral, o esforço financeiro esteve associado à expansão. Em poucos casos, o recurso adicional se converteu em resultados, o que ocorreu especialmente em países da Ásia. Apenas contar com mais … Continue lendo ‘Educação: as lições do professor Hanushek’, no Valor Econômico.

Na educação catarinense, algo para comemorar.

Jefferson Fonseca O Brasil é um país de contrastes. A partir da implantação do real e da estabilização da economia, o país avançou em passos largos para uma condição de prosperidade e melhora nos seus índices de desenvolvimento. Infelizmente, isso não foi suficiente para diminuir significativamente as diferenças que ainda persistem em diversos setores. Por … Continue lendo Na educação catarinense, algo para comemorar.

A greve e o mérito de quem ensina.

(Artigo publicado no jornal Notícias do Dia, 09 e 10 de julho de 2011. p.06 - original aqui) Nessa semana a sociedade catarinense foi surpreendida pela continuidade da greve na educação. Após uma série de negociações e a garantia por parte do governo do Estado do cumprimento da lei do piso, esperava-se que os professores … Continue lendo A greve e o mérito de quem ensina.

“A mudança somente é possível quando os níveis nacional, estadual e municipal do governo têm um foco sistêmico em relação à educação”

Quantidade e qualidade da educação. (Ignez Martins Tollini * - Correio Braziliense, 22/06/2011) As medidas nacionais de matrícula indicam que a escolaridade média da população, no período entre 1990 e 2010, aumentou de 5,6 para 7,2 anos. Sem dúvida, temos de comemorar esse resultado, que coloca o Brasil em posição de vanguarda em relação a … Continue lendo “A mudança somente é possível quando os níveis nacional, estadual e municipal do governo têm um foco sistêmico em relação à educação”

“Aumentar o salário dos professores não é suficiente para melhorar o aprendizado dos alunos, por vários motivos”

Valorizar o professor ou o mérito? (Naercio Menezes Filho - Valor Econômico - 17/06/2011) Recentemente o governo do Estado de São Paulo decidiu aumentar os salários dos professores em 42% para os próximos quatro anos. A ideia é elevar o piso salarial dos professores paulistas dos R$ 1.668 atuais para R$ 2.368 em 2014. Os reajustes … Continue lendo “Aumentar o salário dos professores não é suficiente para melhorar o aprendizado dos alunos, por vários motivos”